sábado, 30 de junho de 2007

não me aflinjo

A água se choca com o poder do fogo, criando um efeito poderoso, intenso: o efeito da maturação das energias.
Neste momento, da minha vida, as transformações estão se dando numa velocidade estonteante e aquilo que era velho e aos poucos fui superando está sendo posto para fora, para que uma nova forma possa ocupar o lugar do novo, do inusitado.
Fiz escolhas, estou sentindo aos poucos o saldo positivo, algumas vezes, me desiquilibro, mas é temporariamente.
É tão intenso que pessoas ao meu redor estão vendo o que está acontecendo. Neste momento, o importante é me manter fiel a princípios éticos e de bom caráter. Sofro com tentações desagradaveis. Já falei (n) vezes,... nem sempre se ganha.
Ás vezes se perde.
Nossa cabeça nem sempre processa bem esta idéia.
A perda hoje, vejo como um processo necessário de aprendizado.
Saber se permitir o tempo necessário de lamentação.
Aceitação é o primeiro passo pra acompanhar a paz, tão desejada.
Termino, com sosego no meu coração de papel.

eu



Motivo Da Rosa (Cecília Meireles)
Não te aflijas com a pétala que voa:

Também é ser, deixar de ser assim.
Rosas verá, só de cinzas franzidas,mortas, intactas pelo teu jardim.
Eu deixo aroma até nos meus espinhosao longe, o vento vai falando de mim.
E por perder-me é que vão me lembrando,por desfolhar-me é que não tenho fim.
(escrito por rosinha)

3 comentários:

Marli disse...

Adorei ter passado por aqui.
Feliz por vc.

Tatá disse...

Fiquei deslumbrada com seu blog...queixo tá caído até agora.
Afff, eita mulher talentosa.

Beijão

Tatá disse...

pura magia, viu?
Continue assim. Você tem muita luz.