terça-feira, 30 de janeiro de 2007

palavra que conforta



Tava ausente, mas voltei com meu melhor sorriso
Pois sim, não nasci pra ser triste, minha alma e minha foi feita para a alegria, fico melhor e com isso atraio coisas boas. 
Infelismente nem sempre é assim.
Ando apaixonada por Cora Coralina, hoje li um poema dela, encantador, e diz:
Não sei, não sei.... 
se a vida é curta, ou longa demais pra nós. 
Mas sei que nada do que vivemos tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.
Dai pergunto: Porque que complicamos tanto nossa vida?? 
Na verdade, colocamos nossa vida na do outro, dai vem a cobrança. Esqueçemos que ali também é outra vida, igual, melhor ou até pior que a nossa. 
Não sabemos nada de ninguém.
Nossa vida é única, precisamos é tê-la sobre nosso controle.


eu

Ps.... Julianna tenho muita saudades de vc. 
Sua mensagem de ontem no blog, me desmoronou.(mãeeeeeeeeeeê)

3 comentários:

Marli disse...

Cada vez que coloca uma poesia de Cora Coralina, fico feliz, e parece que escolhe as que encaixa na minha vida.Belos posts.

Núbia disse...

Rosinha, minha amiga, passei para fazer uma visitinha, e saber como estás, cada vez melhor, seu blog, adoro Cora Coralina

Luiz pubi. disse...

Tá 10.
Valeu.
Vou vim sempre aqui.