segunda-feira, 29 de janeiro de 2007

é apenas o meu jeito de viver
























Tudo ao infinito...
É o meu jeito de amar, de brincar, de comer, de beber, de sofrer.
Ondas de emoção se multiplicam, se misturam.
Às vezes uma emoção substitui outra, mas o show não pára, moto-contínuo.
Ainda não me acostumei com o esse barato.

eu

"Quando eu soltar a minha voz por favor, entenda...Que palavras por palavras eis aqui uma pessoa se entregando...Coração na boca, peito aberto, vou sangrando..São as lutas dessa nossa vida que eu estou cantando..Quando eu abrir a minha garganta, essa força tanta...Tudo que você ouvir, esteja certa que eu estarei vivendo.....Veja o brilho dos meus olhos e o tremor nas minhas mãos...E o meu corpo tão suado, transbordando toda raça e emoção...E se eu chorar e o sal molhar o meu sorriso...Não se espante, cante que o teu canto é minha força pra cantar...Quando eu soltar a minha voz por favor entenda...É apenas o meu jeito de viver o que é amar"...

(Gonzaguinha)

7 comentários:

Júlia disse...

Sei o quento vc é intensa, e te admiro muito por isso, poucas pessoas conheci com a tua fortaleza.

Renata disse...

Rosinha, amiga, lindo seu blog, adorei.Vc nem veio pra Uberaba, que pena, mas ainda te aguardo.
Boa semana.

Claudinha Reis disse...

Rosinha, parabéns pelo blog, tem conteúdo, adoro essa música do gonzaguinha. Boa semana. BJ.

M. disse...

Tudo que vc escreve, é lindo, sinto que vem de sua alma, de sua sensibilidade, de seu encanto. M.

juh_194 disse...

Oie tia
aqui ta estilo de mais!
a sinhora tem estilo
uaiuhaiuahaiuhauia
fotos estão otima
bjosssssss
ate mais

Julianna disse...

xêrooooo
perfeito aqui!

Gabi disse...

M A R A V I L H O S O.