segunda-feira, 28 de maio de 2007

EU SOU COMO EU SOU......


.Sabe cada dia que passa minha mente fica mais clara, objetiva e sem nebulosidades. Tento organizar e fazer acontecer meus projetos, estou atualizando aos poucos meus contatos. Mas não tá sendo facil....Mas vou consiguir. Primeiro de tudo quero equilibrar minhas contas, pense numa coisa dificil, parece que nunca vc pode parar de comprar, sempre tá faltando um coisa, outra .. é pra vc, ou é pra um filho...... meu DEUSSSSSSS.
Estamos praticamente no meio do ano, e ainda tou muito apertada. É a ciranda da vida.
Todos nós sabemos que emoções vão e vêm.
Claras.
Escuras.
Alegres.
Tristes.
Essa alternância é mais que natural. Houve dias em que as ondas eram tantas que parecia que o barco ia virar, mas hoje eu sei onde encontrar meu porto seguro.
O equilíbrio me espera sempre no cais. Com remos...... e é tudo de bom!
Ao perceber que as angústias e inseguranças foram superadas, eu estou seguindo em frente com determinação.
Quem olha para fora, sonha; quem olha para dentro, acorda.
Nosso mundo interno pode ser uma caixa de surpresas... Há momentos em que coisas que estão lá no fundão, guardadas há muitas eras, manifestam-se subitamente, parecendo aqueles bonequinhos de mola, e... plim!, saltando pra fora da caixa e trazendo belos insights: quando isso acontece temos que aproveitar o maximo..
As vezes podemos não ter à mão todos os recursos de que necessitamos, mas certamente podemos dar conta do recado. Pois é, adaptações se fazem necessárias.
A criatividade não tem limites. Uma loucurinha aqui, outra ali... xero pra todos.......
( escrito por rosinha )..

Finalizo com uma poesia linda, do Torquato Neto..

"eu sou como eu sou
pronome pessoal intransferivel do que homem que iniciei na medida do impossivel
eu sou como eu sou agora sem grandes segredos dantes sem novos secretos dentes
nesta hora eu sou como eu sou
presente
desferrolhado
indecente feito um pedaço de mim
eu sou como eu sou
vidente e vivo tranquilamente
todas as horas do fim... "

4 comentários:

Diana disse...

Têns razão, tb tento zerar tdo, contas, sentimento e relacionamentos, mas tá difícil...tô levando,tentando olhar pro meu EU e "tentando ser fiel a mim msm"...mas é uma canseira e tem horas q dá uma vontade d n sei o q...talvez d fugir, um xero.

silvana disse...

Rosinha você 'tá linda no blog .., mas pessoalmente é mais linda ainda.O blog não alcança sua mostrar a melodia de sua alma , ardente e apaixonada!Como vcê minha alma /aura é clara como bumbum de bebe........
elianeso@yahoo.com.br .Beijos!Acesse

Sanka disse...

eu AMO este poema - diz muito de mim.
e de contas, querida, eu estou até a tampa, rs.
quando a gente pensa qu vai conseguir respirar... o carro quebra, a torneira vaza, a gente adoece. ow ciranda de aperto... nam.
mas tá valendo, né não? rs.
beijos!!!

Lela disse...

Ei, linda, coisa boa ter deixado seu rastro no Epiderme. Epiderme... Superfície... Alma... Bem, parece que há fraternidade aí. rs... Rosa, o pedaço que se é é a ponte pro inteiro que se pode ser. Beijo pr'ocê!