sábado, 13 de setembro de 2008

ONDE MINHA ALMA GUARDA AQUILO QUE ELA PROVOU.



Diz Guimarães Rosa que “felicidade só em raros momentos de distração...
Certo.
Ela vem quando não se espera, em lugares que não se imagina.
Dito por Jesus: “É como o vento: sopra onde quer, não sabes donde vem nem para onde vai...
“Sabedoria é a arte de provar e degustar a alegria, quando ela vem. Mas só dominam essa arte aqueles que têm a graça da simplicidade.
Porque a alegria só mora nas coisas simples.




Cada momento de beleza vivido e amado,
por efêmero que seja,
é uma experiência completa,
que está destinada à eternidade,
um único momento de beleza e amor
.... justifica a vida inteira.



Achamos que a vida é uma sonata.

Que começa com o nascimento e deve terminar com a velhice.

Mas isso está errado.
Vivemos num tempo é bem verdade.
Mas é a eternidade que dá sentido a vida.

Eternidade não é o tempo sem fim.
Tempo sem fim é insuportavel.

Eternidade é o tempo completo. Esse tempo do qual a gente diz...
"valeu a pena. (rubem alves)


Bom final de semana, fiquem com DEUS.

Xero na alma linda de quem passa por aqui.

3 comentários:

Donaella disse...

Que plenitude gostoda de ver e de ler!
O coração está em festa e eu aqui feliz por vc!!
Bj de domingo(bj bem família)
=]

Jucosfer disse...

Simplicidade é uma palavra mágica, completa... pena que poucas almas conseguem fazer uso dela.
E felicidade é poder estar aqui, lendo sobre a felicidade.
Beijos.

Rosa Magalhães disse...

Lembrei de um trecho do meu livro preferido (Pássaros Feridos),que conta a lenda de um pássaro que procura um espinho durante toda a sua vida, onde irá se espetar e morrer. Somente nesse instante ele canta (uma única vez na vida) e seu canto é o mais lindo jamais ouvido em toda a terra...
Beijos de flor.