quarta-feira, 26 de julho de 2006

A SAUDADE MATA A GENTE I

Quando você sentir vontade de chorar, não chore.Pode me chamar que eu choro por você.Quando você sentir vontade de sorrir, me aviseQue venho para nós dois sorrirmos juntos.Quando você sentir vontade de amar, me chame,Que eu venho amar você.Quando você sentir que tudo está acabado, me chame,Que eu venho lhe ajudar a reconstruir.Quando você achar que o mundo é pequeno demais para suas tristezas,Me chame, que eu faço ele pequeno para sua felicidade.Quando você precisar de uma mão, me chame,Que a minha é sempre sua.Quando você precisar de companhia, naqueles dias nublados e tristes,Ou nos dias ensolarados, eu venho, venho sim.Quando você estiver precisando ouvir alguémdizer: EU TE AMO!Me CHAME que eu digo a você a toda hora.Pois o meu amor é imenso.E quando você não precisar mais de mim, me avise,Que simplesmente irei embora, orando por você."











É..... MINHA FILHA, MINHA NETA E MEU GENRO VOLTARAM PARA UBERABA-MG.
A VIDA É ASSIM, NADA É CONSTANTE, TALVEZ SEJA POR ISSO QUE A VIDA, TEM QUE SER VIVIDA A CADA INSTANTE, E COM INTENSIDADE, O QUE SE TEM HOJE PODE NÃO NÃO SE TER AMANHÃ............E AÍ VAI.................... SINTO SAUDADES.

2 comentários:

Luciana disse...

Rosinha, a vida é maravilhosa, e essa contante da vida é o que nos faz viver.BJS.

rubo jünger medina disse...

Rosa,bonito essa saudade mata a gente. Gostei mesmo.
Beijos.