quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

eu e a vida


E quando vejo a vida espera mais de mim
Mais além, mais de mim
O eterno aprendizado é o próprio fim
Já nem sei, se tem fim
De elástica minha alma dá de si
Mais além, mais de mim
Cada ano a vida pede mais de mim
 
de jorge vercilo 

xero de rosa

Um comentário:

ROSINHA disse...

Cada vez mais o grau de exigência aumenta...